Capa » Cinema » Do Front – Depois Daquela Montanha
Do Front – Depois Daquela Montanha

Do Front – Depois Daquela Montanha

Depois Daquela Montanha dosa os gêneros, romance e aventura para formar um filme de sobrevivência em que você tem que relevar muita coisa.

Sinopse:

Alex (Kate Winslet), uma jornalista que está indo preparar seu casamento, e Ben (Idris Elba), um doutor voltando de uma conferência médica, iriam pegar o mesmo avião, mas o voo é cancelado e os dois estranhos decidem fretar um jatinho. Durante a viagem o piloto sofre um ataque cardíaco e o avião cai em uma região montanhosa coberta por neve. Um romance começa a ganhar força enquanto eles tentam sobreviver, feridos e perdidos.

O foco do longa não é mostrar os limites do ser-humano frente às adversidades de uma situação de sobrevivência extrema, mas na relação entre duas pessoas quando um sentimento maior entre elas cresce e algo na vida pessoal os impede. Seja um amor do passado que não foi superado, seja um casamento com uma pessoa que você não sabe se realmente ama…enfim são diversos fatores que criam uma “montanha” para um novo relacionamento.

Talvez por isso a parte da sobrevivência do filme pareça um pouco irreal, comparando com situações relatadas por pessoas reais que passaram por isso e também com os outros títulos do gênero.

Os protagonistas aparentavam estar muito bem após terem caído de avião e sobreviver por não sei quantas semanas no meio de uma cadeia de montanhas cobertas de neve.

Deixei essa parte de lado por compreender que a itenção não era mostrar a luta pela vida e sim pelo crescente sentimento entre os personagens.

Curioso foi ver os clichês dos filmes de romance sendo encaixados ali. Até uma cabana e uma cena de amor foram colocados para dar um “clima” a mais.

Talvez por isso os personagens sofreram pouco com a queda, imagine uma cena de amor com os dois extremamente arrebentados. Acredito que não seria agradável para o público ver essa cena.

Até um cachorro (o que menos sofreu com a queda) está lá para “aquecer” os corações mais melosos. (OK, parei com as piadinhas com o tempo)

Mesmo EU, preferindo os filmes de ação, consegui me entreter um pouco com algumas cenas. Priciplamente com a queda do avião. Ela foi muito bem conduzida e os ângulos e rotações de câmera deram um “impacto” (Não resisti) à cena. Foi uma das quedas mais maneiras, e bem pensadas e produzidas do cinema desde O Náufrago, pois parecia que eu estava ali, junto com os passageiros.

As atuações de Kate Winslet e Idris Elba estão muito boas e você consegue enxergar nas expressões deles a timidez e o temor de um médico que tenta superar um trauma e seguir em frente e uma jornalista destemida que quer enfrentar o mundo e não permitir ficar estagnada por causa do medo.

Se você, meu caro companheiro de batalha, quer levar sua companheira em uma missão romântica, essa é a sua chance. E se você não tem namorada ou namorado, chame aquele Crush para curtir um cinema. Vai que rola um sentimento que nem o dos protagonistas, que não tinham nada a ver um com o outro e se permitiram experimentar um sentimento que estava relutante entre eles.

Depois Daquela Montanha (The Mountain Between Us) tem direção de Hany Abu-Assad e elenco formado por Kate Winslet, Idris Elba, Beau Bridges, Dermot Mulroney, Vincent Gale, Bethany Brown estreia dia 02 de novembro de 2017 no Brasil.

Sobre Rodrigo Ribeiro

Rodrigo Ribeiro